Regras de Negócio e Políticas de Investimento

Regras de Negócio e Políticas de Investimento

Regras de Negócio

Como manteríamos a ordem de uma sociedade se não existissem as regras?

Da mesma forma é uma empresa. Sem regras não se cresce com segurança e solidez, se forem excessivas burocratizam os processos e engessam o crescimento. Ou seja, temos que ter o equilíbrio de acordo com a necessidade e flexibilidade que o mercado impõe aos negócios.

Temos que saber exatamente o que queremos e como queremos e dessa forma planejar. Por isso é de suma importância ter um Planejamento Estratégico Empresarial bem definido e claro, assim como uma Regra de Negócio deve ser.

Regra de Negócio é a declaração formal (premissas e restrições) da empresa sobre a sua forma de pensar, agir, conduzir e realizar procedimentos e negócios.

As regras de negócio podem ser aplicadas em:

  • Políticas, clientes, objetivos, interesses, recursos, leis, convenções, regulamentações, obrigações, compromissos sociais, profissionais, estratégias…

Alguns exemplos são:

  • Limite de saques e transferências, Cálculo de salário, Contratação de funcionários…

Não é obrigatório ter as regras dentro do Plano de Negócio, mas é uma premissa para a criação de um Plano de Expansão Comercial.

E como conduzir estas regras?

A condução é definida dentro das Políticas da empresa. A Cultura de uma empresa é a essência das suas políticas empresariais, e dentre essas, destacamos a:

Políticas de Investimento

Políticas de Investimento é um instrumento formal utilizado para direcionar a forma que a empresa irá investir seus recursos. Serve para orientar e informar todos os envolvidos sejam eles internos ou externos, os objetivos, aversões a riscos e restrições.

Para a criação de um Plano de Captação Financeira é importante ter as regras de negócio e as políticas de investimentos.

Kompi  possui serviços de Consultoria Empresarial com profissionais especializados em captação de recursos financeiros.

Fale Conosco